conecte-se conosco

Oi, o que você está procurando?

Mceara.com

Policia

“Zé de Valério” desafia as autoridades e continua em fuga no sertão após matar universitária

Criminoso já percorreu mais de 300 quilômetros de sertão adentro fugindo da Polícia

Mceara.com 0001 2019 06 11 23.56.11

Depois de 46 dias de fuga, o vaqueiro José Pereira da Costa, o “Zé do Valério”, continua desafiando o aparato da Segurança Pública cearense e prossegue sua luta para evitar a prisão ou um eventual confronto com a Polícia. Neste período, já percorreu mais de 300 quilômetros, passando por seis Municípios, cruzando matagais, serrotes, riachos, rios e enfrentando a caatinga.

A última aparição do bandido teria ocorrido no fim de semana passado, na zona rural entre os Municípios de Independência e Crateús, onde tentou roubar a motocicleta de uma mulher, mas não teve êxito. Disparou tiros contra a vítima, que mais tarde relatou o seu desespero ao cruzar com o criminoso.

“Zé de Valério” é caçado pelas autoridades desde a manhã do dia 25 de abril último, quando o corpo da estudante universitária Daniele Oliveira da Silva, 20 anos, foi encontrado em um matagal às margens da estrada que liga a cidade de Pedra Branca à localidade de São Gonçalo, na zona rural daquele Município (a 285Km de Fortaleza). De acordo com a Polícia, Daniele foi raptada, estuprada e morta pelo vaqueiro.

No seu roteiro de fuga sertão adentro, o criminoso saiu de Pedra Branca e já passou pelos Municípios de Senador Pompeu, Quixeramobim, Boa Viagem, Independência e, por último, chegou a Crateús. Sua intenção seria sair do Ceará e entrar no território do estado do Piauí.

Buscas terrestres e aéreas (com a utilização de helicópteros) já foram feitas desde o mês passado, mas o bandido não foi encontrado. Profundo conhecedor da mata, ele se esconde durante o dia e percorre dezenas de quilômetros à noite, quando tem a noite como sua aliada.

Propaganda