Siga-nos nas redes sociais

Mundo

Bebê morre após os pais deixarem ele com fralda infestada de larvas por 2 semanas

Um bebê morreu de uma erupção dolorosa depois que seus pais o deixaram em uma fralda suja por tanto tempo que ficou infestado de vermes, disse um tribunal

Publicados

em

O pequeno Sterling Koehn foi encontrado morto em agosto passado, com investigadores descobrindo que a fralda havia sido deixada por até duas semanas, o que significa que havia atraído insetos, que punham ovos.

Sterling ficou sofrendo uma erupção tão intensa de fraldas que sua pele se rompeu, fazendo com que as mortais bactérias e.Coli se instalassem.

De acordo com o Waterloo Cedar-Falls Courier, o promotor Coleman McAllister disse aos jurados durante sua abertura na terça-feira: “Ele morreu de assaduras. É isso mesmo, assaduras.”

Reed Palo, um adjunto do Gabinete do Xerife do Condado de Chickasaw, assistiu à autópsia de Sterling e contou como vermes e larvas de diferentes cores foram descobertas enquanto o médico examinador removia camadas de cobertores e roupas sujas do bebê.

A socorrista Tina Shatek, que compareceu ao local depois que Koehn ligou para o 911, também contou como encontrou Sterling morta de olhos abertos – e lembrou como os mosquitos voaram do cadáver da criança quando ela mexeu no cobertor.

Depois que o corpo de Sterling foi encontrado, os investigadores descobriram que ele havia sido deixado na fralda suja por entre nove e 14 dias.

O pai de Sterling, Zachary Koehn, 29 anos, está sendo julgado pela morte de Sterling em agosto de 2017.

A mãe de Sterling, Cheyanne Harris, também foi acusada de seu assassinato, e será julgada separadamente. O pai de Sterling, Zachary Koehn, está agora sendo julgado acusado do assassinato do bebê.

Publicidade
1 comentário

1 comentário

  1. Luiz Humberto Castro

    1 de novembro de 2018 at 12:36

    ISSO NÃO PODE SER CHAMADO DE MÃE.. SÃO TODOS PIOR QUE ANIMAIS.. ASSACINOS DEVEM RESPONDER COM A PROPIA VIDA..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *