conecte-se conosco

Região

Camilo Santana manda PM cercar Aterro da Praia de Iracema na noite do Réveillon

“Vai ter uma operação, não só de dispersar, mas proibir aglomerações”, disse Santana

Publicados

em

Barreiras físicas, policiais militares, guardas municipais, viaturas e até barcos e helicópteros serão usados pelo governo do Estado e pela Prefeitura de Fortaleza em um grande cerco no Aterro da Praia de Iracema e ruas próximas.

A operação é uma das medidas que o governador do estado, Camilo Santana (PT), anunciou nesta quinta-feira (17) para impedir que fortalezenses e turistas se aglomerem no principal cartão-postal da Capital cearense: a Avenida Beira-Mar.

Temendo que as pessoas desobedeçam ao seu decreto oficial que entrou em vigor na última terça-feira (15), e que vai se estender até 4 de janeiro, Camilo vai novamente mobilizar a tropa da Polícia Militar para impedir que os cidadãos acorram ao local que se transformou no principal point das tradicionais comemorações de Ano-Novo: o Réveillon no Aterro da Praia de Iracema e no calçadão da Beira-Mar.

Leia:  Cantor beija mulher casada em show e ela pede para apagar vídeo: "apague, não quero perder meu filho e esposo"

O número de homens das forças da Segurança Pública a ser empregado na operação ainda está sendo definido pelo governo através da sua Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Impedir

A ordem é impedir a circulação de pessoas na área. Turistas que deverão chegar ao Ceará e ocupar vagas nos hotéis da Avenida Beira Mar e seu entorno também ficarão impedidos de acessar a orla.

“O Aterro será fechado para evitar aglomerações”, disse o governador. E completou: “Vai ter uma operação da Prefeitura em parceria com a Polícia Militar, não só de dispersar, como para proibir que as pessoas possam se aglomerar na Praia de Iracema e Beira Mar e locais, geralmente, que a população procura muito para fim de ano”, disse em entrevista ao Bom Dia Ceará, no Sistema Verdes Mares.

Leia:  Camilo recua de decreto que liberava abertura de indústrias e comércio e revoga medidas

Jornalista Fernando Ribeiro

Propaganda
×
Share via
Copy link