Policiais do Cotar prendem pistoleiro suspeito de vários assassinatos em Jaguaribara

Policiais do Cotar prendem pistoleiro suspeito de vários assassinatos em Jaguaribara

Edileudo foi capturado pelo Cotar quando trafegava de moto entre Morada Nova e Jaguaribara

Carnaval: Segunda Parcial aponta 60 mortes no Ceará; SSPDS ainda não divulgou dados oficiais
Fim de semana violento no Ceará deixa 35 mortos em assassinatos e acidentes de trânsito
Segurança Pública confirma aumento dos índices de assassinatos no Ceará no mês de janeiro

Policiais de Inteligência e do Comando Tático Rural (Cotar), do Comando de Policiamento de Choque (CPChoque), capturaram na cidade de Morada Nova (a 163Km de Fortaleza), um pistoleiro suspeito de envolvimentos nos recentes assassinatos ocorridos no vizinho Município de Jaguaribara. Em menos de uma semana, sete pessoas foram mortas ali, fato que vinha causando terror entre a população.

O bandido preso foi identificado como Antônio Edileudo Alves Queiroz, criminoso já com extensa ficha de delitos praticados nos últimos anos em cidade do Vale do Jaguaribe. A capturado do bandido aconteceu no momento em que ele se deslocava de moto entre as duas cidades. A Polícia suspeita que o bandido praticava os crimes em Jaguaribara e, logo em seguida, fugia através de estradas vicinais, em direção à Morada Nova.

Com o suspeito os policiais apreenderam uma escopeta (espingarda de calibre 12), além de muita munição, celulares e outros objetos, além da motocicleta que era usada pelo pistoleiro para as fugas após cada assassinato em Jaguaribara.

Crimes

Entre a última quinta-feira (10) e o domingo (13), ao menos seis pessoas foram assassinadas no Município de Jaguaribara. O mais recente crime aconteceu na noite do domingo (13), quando duas mulheres foram executadas, a tiros, quando seguiam de moto para a localidade de Vila Pesqueira, na zona rural, mas acabaram mortas na localidade de Sítio Betel, no limte de Jaguaribara com o Município de Iracema (a 285Km de Fortaleza).

Entre as vítimas estava a suplente de vereadora do Município, Amanda Amâncio Ferreira, 34 anos. A outra mulher assassinada foi identificada como Rafaelly Ribeiro de Lima, 30.