conecte-se conosco

Policia

PM prende chefe de facção que ordenou a tentativa de chacina com 3 mortos na Vila do Mar

Antônio Mariano Neto, bandido de alta periculosidade, comanda a facção no bairro Colônia

Publicados

sobre

Policiais militares do 20º Batalhão da PM (Cristo Redentor) capturaram na manhã desta terça-feira de Carnaval (16), um dos suspeitos de envolvimento na tentativa de chacina que deixou três adolescentes mortos, duas garotas feridas e um jovem desaparecido.

O crime aconteceu em pleno calçado da Vila do mar, no bairro Colônia, na zona Oeste de Fortaleza. O criminoso é ex-presidiário tem uma longa ficha criminal e apontado como responsável por vários outros assassinatos na Colônia, Pirambu e Goiabeiras.

Antônio Marciano Neto, 25 anos, foi preso durante as diligências que as polícias Civil e Militar iniciaram naquele setor da cidade após o episódio de violência ocorrido no começo da madrugada, quando três jovens – dois rapazes e uma garota – foram mortos a tiros e pauladas no calçadão após terem sido retirados à força de um carro de aplicativo. Outras duas garotas foram severamente espancadas e resgatadas no local pela própria PM, que acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Uma delas permanece internada em estado grave.

Propaganda

De acordo com a Polícia os seis jovens são moradores de outro bairro da Capital e seguiram para a Vila do Mar com a intenção de participar de mais uma aglomeração de foliões com “paredões” de som para comemorarem o Carnaval. Na noite de domingo passado (14), a PM dispersou uma aglomeração na mesma avenida.

Execução

Testemunhas afirmaram que quando o grupo desceu do carro de aplicativo seus integrantes fizeram com as mãos o símbolo de uma facção que é inimiga de outra que domina a região da Colônia e das Goiabeiras. Foi o suficiente para que os jovens fossem arrastados, espancados e três deles mortos a tiros. A Polícia suspeita que o jovem desaparecido tenha sido também executado e o corpo enterrado.

O bandido capturado nesta manhã de terça-feira tem uma vasta ficha criminal que inclui delitos como homicídio, tráfico de entorpecentes e porte ilegal de arma de fogo. Mesmo assim, estava em liberdade e comandava a facção que domina o bairro Colônia.

Propaganda
Continue lendo
Propaganda