conecte-se conosco

Olá o que procuras?

Policia

Mãe mata o filho de 8 anos espancado em Itapipoca porque ele “tinha um comportamento difícil”

O menino teria sofrido uma surra e maus-tratos da mãe e acabou falecendo, horas depois, no hospital do Município

Uma mulher de 28 anos foi presa em flagrante nesta quarta-feira (3), na cidade de Itapipoca (a 125Km de Fortaleza), sob a suspeita de ter assassinado o filho mais velho, um garoto de apenas 8 anos de idade.

De acordo com a Polícia, Carla Valeska da Silva Costa, 28,mãe de três crianças, levou o menino para o hospital e informou aos médicos que a criança havia sofrido uma queda. O garoto morreu logo após dar entrada na Emergência Pediátrica. Logo, os médicos constataram várias lesões no corpo da criança compatíveis com atos de tortura e espancamento. Como determinam os protocolos médicos, eles acionaram a Polícia.

A mãe foi conduzida à Delegacia Regional de Polícia Civil de Itapipoca e acabou confessando que havia agredido o filho que, segundo ela, “tinha um comportamento difícil”.

A Polícia decidiu aprofundar as investigações e logo descobriu que a criança já havia sofrido outras agressões da mãe, de acordo com o relato do Conselho Tutelar do Município de Itapipoca. Diante dos fatos, a mãe recebeu voz de prisão e foi autuada em flagrante por tortura seguida de morte.

Família

O corpo da criança foi trazido para Fortaleza e encaminhado à sede da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce), onde está sendo necropsiado pelos médicos legistas da Coordenadoria de Medicina Legal (Comel). O laudo será encaminhado nas próximas semanas à Polícia Civil.

A mãe permanece presa à disposição da Justiça e as duas outras crianças dela foram entregues à família com o acompanhamento das autoridades locais.

Jornalista Fernando Ribeiro

Propaganda