Polícia prende casal suspeito de participar da morte de uma menina de 12 anos, em Cruz

A jovem Klaryce não teve como se defender

Nove suspeitos de integrar grupo de tráfico de drogas são presos em Bela Cruz
Menino de 13 anos morre após choque com celular na tomada em Bela Cruz
Oito adolescentes da cidade do Marco fazem arrastão em Bela Cruz e Santana do Acaraú

Policiais civis das Delegacias de Cruz e Jijoca de Jericoacoara, realizaram na sexta-feira à tarde, 17, a segunda fase da Operação Infância Perdida, que visa investigar o assassinato de uma jovem de apenas 12 anos e prender todas as pessoas envolvidas.

Na continuidade da operação realizada na cidade de Cruz, foram detidos Francisco Odailton Ribeiro, 28 anos, conhecido como “Novim”, e Leidiane Ferreira de Sousa.

Suspeita-se que o casal tenha participado diretamente da morte de Klaryka Jacinto Vasconcelos, que tinha apenas 12 anos de idade.

Com essa prisão, a Polícia Civil acredita ter elucidado o crime. Na última quarta-feira (15), foram presas quatro pessoas que também estariam envolvida no crime. O caso pode ser dado como encerrado e os acusados serem indiciados pelo crime.

Crime

A menina foi morta a tiros na noite de 30 de maio, na zona rural do município de Cruz, no interior do Ceará. A jovem de 12 anos, teria ido pedir ajuda junto com o acompanhante, em um bar, após a motocicleta que estavam ficou sem combustível.

As pessoas que estavam naquele local imobilizaram o casal e o levaram para um local deserto, depois de suspeitar que o casal era membro de uma facção. O companheiro da menina conseguiu escapar do local, a jovem nascida em Cruz e residente em Jijoca de Jericoacoara, foi executada friamente pelo acusado com vários tiros na região das costas e da cabeça. O corpo da vítima foi encontrado apenas por pessoas que passavam no dia seguinte.

COMENTÁRIOS