conecte-se conosco

Policia

Mulher é morta a facadas em Alto Santo; no ano, já são 59 crimes do gênero no Ceará

Foto mostra Romerinda: morta a facadas, em Alto Santo e Juliana: assassinada a tiros, em Banabuiú

Publicados

em

Subiu para 59 o número de mulheres assassinadas no Ceará em quatro meses de 2019. Nas últimas 24 horas, mais um caso foi registrado no estado. Aconteceu na zona rural do Município de Alto Santo, na Região do Vale do Jaguaribe (a 247Km de Fortaleza).

O crime de morte ocorreu nesta terça-feira na localidade de Sítio Tibolo, na zona rural, onde uma mulher identificada por Romerinda Bezerra Rodrigues, 31 anos, foi assassinada a golpes de faca. O corpo foi encontrado no começo da manhã.

Segundo a Polícia, Romerinda tinha antecedentes criminais por homicídio doloso. Informações ainda não confirmadas pelas autoridades revelam que ela teria participado do assassinato do ex-marido juntamente com um irmão.

Leia:  Traficantes mandam suspeito de matar a mulher, em São Gonçalo, se entregar à polícia

O corpo da mulher foi encaminhado ao Núcleo da Perícia Forense (Pefoce) da cidade de Russas. Até agora, não há pistas sobre os autores do crime.

Outra

Em Banabuiú, no Sertão Central (a 194Km de Fortaleza), a Polícia Civil investiga o assassinato de uma mulher identificada como Juliana Xavier de Lima, 32 anos. O crime de homicídio ocorreu na última sexta-feira (18), no bairro Creche. A mulher foi atingida por vários tiros.

Segundo a família de Juliana, ela havia chegado, recentemente, de São Paulo. Os parentes não informaram se ela vinha sofrendo ameaças ou se tinha envolvimento com delitos.

Balanço

Cinquenta e nove mulheres foram assassinadas no Ceará neste ano, sendo 13 casos em janeiro, 17 em fevereiro, 11 em março e 18 em abril (até ontem, dia 23). No feriadão da Semana Santa foram registrados cinco crimes do gênero, nos seguintes Municípios: Caucaia, Banabuiú, Fortaleza (no bairro Caça e Pesca), Maracanaú e Aquiraz.

Leia:  Mulher muda a senha do Wi-Fi e provoca a ira dos vizinhos, que apedrejaram sua casa; Veja o vídeo

Jornalista Fernando Ribeiro

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×
Share via
Copy link