Sikêra Jr testa positivo para coronavírus e diz: “Não subestimem como eu fiz”

Na semana passada, Sikêra passou mal, foi substituído às pressas e afastado por tempo indeterminado pela direção da emissora

Repórter denuncia Datena por assédio sexual: “já bati muita p*** pra você, nem imagina o quanto”
‘Por que você foi para lá?’, disse companheira de Gugu debruçada sobre o corpo do apresentador
Após ter funcionário atacado e o carro incendiado, deputado Vitor Valim faz apelo ao governador

Apresentador do “Alerta Nacional”, da Rede TV, Sikêra Jr. afirmou que testou positivo para a covid-19, mas desmentiu boato que circulou pelas redes sociais, de que estaria em estado grave e com os dois pulmões comprometidos.

Na TV, ele disse ter feito o primeiro teste para covid-19, que deu negativo, e garantiu que aquele mal-estar seria apenas uma gripe. Hoje, no entanto, o apresentador de 53 anos contou que a contraprova deu positivo.

“É uma surpresa, a gente acha que só pega fogo na casa do vizinho. E a vida me deu essa lição. A gente não acredita enquanto não acontece com a gente. Enquanto acontece com o nosso vizinho, normal. Mas quando acontece conosco, a história é outra. E é isso. Estou aqui, apesar de tanta especulação”, disse ele, em entrevista ao “Alerta Nacional”.

Na mensagem, Sikêra pediu para que o brasileiro “não subestime o coronavírus, como eu fiz, é mais sério do que eu imaginava”.

“Agora estou bem, estou bem acompanhado. Estou tomando a medicação, seguindo à risca o que eles me orientaram. Pedi a Deus para que eu passe por essa. É um vírus longo, e a Ciência está brigando para conseguir uma fórmula nova”.

COMENTÁRIOS