Pai aponta arma, faz ameaças de morte e estupra filhas dentro de casa

O pedófilo já havia sido preso em 2019, após ser flagrado oferecendo dinheiro para que as crianças tivessem relações sexuais com ele

Mãe queima a mão do próprio filho como punição; ‘pegou oque não deveria’
Criança de 12 anos engravida de garoto e dá à luz a bebê: “É tão bom ser mãe”, disse a garotinha
Homem mata a esposa, enterra no quintal e finge por 18 dias que ela havia fugido de casa

Um idoso de 68 anos, nome não revelado, foi preso durante à tarde da última terça-feira (28) por estuprar, sob ameaça de morte, com arma de fogo, a filha biológica, 14 anos, e ainda duas outras jovens, hoje maiores de idade, criadas como ‘filhas’ pelo acusado, em Cuiabá.

A prisão foi realizada durante o cumprimento do mandado de busca e apreensão, na casa do acusado, por policiais da Delegacia Especializada de Direitos de Defesa da Criança e do Adolescente (Deddica), que encontraram uma fotografia do pedófilo ostentando a arma de fogo ao lado da adolescente.

A investigação começou no dia 13 de abril, quando a ex-mulher do idoso descobriu que ele estava estuprando a filha desde que a menor tinha 8 anos de idade.

A adolescente confirmou ser abusada há aproximadamente 6 anos, quando sofria ameaças e ainda relatou que o pai filmava e fotografava as agressões e violências sexuais.

Diante às informações obtidas durante as investigações, o delegado Francisco Kunze representou pelo mandado de busca e apreensão domiciliar contra o acusado, o qual foi deferido pela 14ª Vara Criminal de Cuiabá.

Inicialmente o idoso negou o crime e que tivesse arma em casa, porém, durante a varredura domiciliar foi encontrado um revólver calibre .38 dentro da caixa d’água escondido, quando o homem foi preso em flagrante pelo crime de posse ilegal de arma de fogo. Ele vai responder por estupro de vulnerável.

Antecedentes

O idoso foi preso no ano passado, após ser flagrado oferecendo dinheiro a menores de idade na porta de uma escola do bairro Jardim Cuiabá, para que as garotas mantivessem relações sexuais com ele.

COMENTÁRIOS