conecte-se conosco

Brasil

Homem mata ex-mulher a tiros e golpes de marreta, furta carro e se joga de ponte

Caso está sendo tratado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro como feminicídio seguido de suicídio

Uma mulher foi assassinada pelo ex-marido a tiros e golpes de marreta nessa quinta-feira (13), em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Sem aceitar o término da relação, Haroldo da Silva Amorim, de 41 anos, matou Bruna Araújo de Souza, 31, furtou um carro em seguida, fugiu e se jogou da ponte Rio-Niterói.

Policiais de Homicídios da Delegacia de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí confirmaram que o caso trata-se de um feminicídio seguido de suicídio.

O Corpo de Bombeiros de Itaipu foi ao local por volta de 10h15, mas a vítima já estava sem sinais vitais. Policiais militares do 7ºBPM foram acionados por moradores e isolaram a área.

Propaganda

Após executar a ex-companheira, Haroldo furtou um carro em uma oficina mecânica na Rua Renato Girandi, no bairro Rio de Ouro, onde o então casal morava, e tirou a própria vida se jogando da ponte que liga a Capital a Niterói.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que o suspeito chegou a ser socorrido em estado grave ao Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro do Rio, mas não resistiu aos ferimentos.

Propaganda

Em alta