conecte-se conosco

Brasil

Mãe é presa por suspeita de tentar vender filho de 12 anos por R$ 5 mil em rodoviária

Menino foi encontrado no terminal rodoviário do município de Santa Maria da Vitória. Suspeito de negociar compra do garoto teria prometido levar adolescente para o Japão

Publicados

em

Uma mulher foi presa após confessar que venderia o filho de 12 anos por R$ 5 mil para um homem na rodoviária de Santa Maria da Vitória, na região oeste da Bahia. O caso aconteceu na tarde de sexta-feira (11), segundo informações da Polícia Civil.

De acordo com a polícia, a mulher, identificada como Maria Roque Rocha, deixou o filho no local e foi embora. A mãe do menino foi encontrada na rodoviária de Bom Jesus da Lapa.

A Polícia Civil informou que o menino falou o nome e o número de telefone da mãe para os investigadores do órgão, representantes do conselho tutelar da cidade. As autoridades tentaram o contato com a mulher, mas não conseguiram.

Leia:  Jesus gay: abaixo-assinado contra especial de natal do porta dos fundos tem 335 mil assinaturas

A polícia começou as buscas para procurar Maria após imagens da câmera de segurança da rodoviária serem coletadas.

Maria Rocha retornou os telefonemas da polícia, por volta das 17h30, afirmando que tinha sido sequestrada e que estava na rodoviária de Bom Jesus da Lapa. Maria foi presa no local.

Segundo a polícia, Maria Rocha manteve a versão do sequestro inicialmente, mas depois confessou que entregaria o filho para um homem, identificado como Sinvaldo Lima Vieira, e receberia R$ 5 mil.

Conforme a Polícia Civil, o menino tinha informado para os agentes que o homem havia prometido levá-lo para o Japão e entregar à sua mãe R$ 65 mil. Maria Rocha foi encaminhada para a delegacia de Santa Maria da Vitória.

Leia:  Cachorro dá a própria vida para proteger menino de 1 ano de cobra; veja vídeo

O homem apontado como suspeito de negociar a compra da criança é procurado pela polícia. A equipe da Assistência Social e Conselho Tutelar de Santa Maria da Vitória entraram em contato com familiares da criança em Botuporã e a encaminhou para o Conselho Tutelar de Bom Jesus da Lapa.

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×
Share via
Copy link