Connect with us

Policial

Três bandidos morrem em confronto com policiais civis em Amontada, no interior do Ceará

Os corpos dos três suspeitos foram levados para o necrotério do Hospital Regional de Itapipoca

Jornalista Fernando Ribeiro | Três bandidos mortos e um policial civil ferido. Este foi o resultado de uma operação realizada por equipes da Delegacia de Combate às Ações do Crime Organizado (Draco), Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) e da Unidade Tático Operacional (UTO), da Divisão Antissequestro (DAS), no Município de Amontada, na região Norte do estado (a 154Km de Fortaleza) na manhã desta quinta-feira (26).

O confronto policial no Município de Amontada ocorreu no começo da manhã, quando tentavam desarticular uma quadrilha responsável por ataques a bancos e carros-fortes na região Norte do estado. Os agentes foram recebidos a tiros e revidaram. Três dos suspeitos foram baleados e não resistiram, sendo identificados até o momento antes por “Gangão”, Silvério e “Macumbeiro”, que fariam parte da quadrilha responsável por diversos crimes naquela região do estado.

Um policial civil teria ficado ferido no tiroteio. Não se sabe ainda se ele foi atingido diretamente por um tiro ou apenas lesionado por fragmento de projéteis. O atendimento ao policial está sendo realizado no hospital daquele Município.

Os corpos dos três suspeitos mortos no confronto com a Polícia Civil deverão ser removidos para a sede da Perícia Forense (Pefoce), em Fortaleza.

Outro confronto

Já em Morada Nova (a 163Km da Capital), um bandido também tombou sem vida num confronto com agentes da Coordenadoria de Inteligência (Coin) da Secretaria da Segurança Pública, totalizando quatro criminosos morreram nas últimas 24 horas em troca de tiros com a Polícia no Ceará.

O tiroteio ocorreu no fim da tarde de ontem, no Distrito de Uiraponga, na zona rural de Morada Nova, onde agentes da Coin tentava localizar o esconderijo de uma quadrilha de assaltantes de bancos chefiada por um bandido conhecido como Silvio Heleno. Houve troca de tiros e um dos componentes do bando, identificado como Josemar Moreira Maia, 26 anos, foi baleado e acabou morrendo. Os comparsas conseguiram fugir.

Copyright © 2018 MCeara. Todos os direitos reservados ao Sistema MassapeCeara de Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuição sem prévia autorização.