Tio-avô matar criança de 1 ano com taco de madeira na cabeça | Mceara.com
Connect with us

Policial

Tio-avô matar criança de 1 ano com taco de madeira na cabeça

Menina foi internada na segunda-feira e morte foi confirmada nesta madrugada. Homem suspeito da agressão é tio-avô da vítima e foi preso

G1 | A menina de 1 ano e 7 meses que foi agredida com um taco de madeira na cabeça em Navegantes, no Litoral Norte catarinense, morreu na madrugada desta quarta-feira (18) no Hospital Pequeno Anjo em Itajaí, no Vale. Um homem de 43 anos, tio-avô da menina, foi preso em flagrante pela agressão.

Na manhã desta quarta-feira (28), o corpo de Laura Cecília Bittencourt foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Balneário Camboriú. Ela foi internada na segunda (26) em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), com suspeita de traumatismo craniano, segundo a Polícia Militar.

O caso foi registrado em uma casa no Centro de Navegantes. Conforme a PM, a avó da criança, que é irmã do suspeito, informou que o homem estava na residência com o taco de madeira. Ele teria começado as agressões que atingiram a menina, que estava no carrinho de bebê. A suspeita é que os dois começaram a discutir e brigar por causa de uma herança.

“Ele foi direto na menina, deu com o pau na cabeça dela, no carrinho. Uma agressão muito séria, muito fatal. Daí depois, com a menina caída no chão, eu peguei ela no colo e ele queria me agredir”, contou a avó à NSC TV.

Uma testemunha, que é amigo da avó, informou que teve que retirar o taco das mãos do suspeito para impedir mais agressões.

A avó conta que levou a criança para o Hospital Pequeno Anjo, em Itajaí, mas no caminho a menina teve convulsões. Sobre a motivação da agressão, a avó acredita que ele bateu na menina na tentativa de atingi-la.

“Eu crio a menina, então de certo ele quis me atingir. Ele falou: eu vou matar vocês duas”, disse a avó.

Ainda segundo a avó, o caso de agressão é reincidente. Em dezembro, ele jogou uma garrafa de cerveja contra ela, que estava com a criança no colo. Na época, foi registrado um boletim de ocorrência, mas ele não foi detido.

Por conta deste último caso de agressão registrado na segunda, o homem foi preso em flagrante por tentativa de homicídio e levado à Delegacia de Polícia.

Propaganda
Clique e comente

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Copyright © 2018 MCeara. Todos os direitos reservados ao Sistema MassapeCeara de Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuição sem prévia autorização.