Connect with us

Policial

Presos dois dos bandidos que aparecem em vídeo com armas zombando da polícia; reveja o vídeo

Além deles, a companheira de Silva, sem antecedentes criminais, também foi presa. Ela resistiu a abordagem policial

O POVO | Dois dos quatro homens que aparecem em vídeo portando armamentos considerados pesados e distintivos com símbolos das Policias Civil e Militar foram presos, em trabalho conjunto da coordenadoria de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) e da Força Tática da Polícia Militar (PMCE). As informações foram divulgadas na tarde desta quarta-feira, 2, em entrevista coletiva.

Confira vídeo:

Os presos são Mateus Maviniê de Oliveira Rodrigues, de 18 anos, conhecido por “Lobão”, e Geovane Diogo Silva Oliveira, de 29 anos, vulgo “Geo”. Maviniê já responde por tentativa de homicídio. Já “Geo” tem antecendentes criminais por crimes de homicídio, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e crime de trânsito.

O primeiro a ser capturado foi Maviniê, na Favela Garibaldi, no bairro Serrinha. Ele foi abordado pela polícia quando estava de frente para um imóvel. No momento, nenhum material ilícito foi encontrado. Entretanto, em sua residência, num guarda-roupa, foi achada vasta quantidade de munições de calibres 38 e 5.56.

Em seguida, na tentativa de prender “Geo”, as buscas seguiram para o bairro Maraponga, na Rua Jaime Rolemberg. Depois de resistência à prisão e tentativa de fuga, ele confessou ter um fuzil calibre 5.56 dentro de casa. Além da arma de grosso calibre, aponta a SSPDS, também foram encontrados revólver calibre 38, pistola .40 e carregadores de diferentes calibres.

Conforme o titular da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), delegado Ricardo Romagnoli, “Geo” era foragido, uma vez que não retornou à Casa de Privação de Liberdade Agente Elias Alves da Silva (CPPL IV) após ter recebido benefício do indulto de Natal. Também há indícios, conforme Romagnoli, de que ele tenha elevado grau hierárquico em facção criminosa.

Além deles, a companheira de Silva, sem antecedentes, também foi presa. Ela resistiu à abordagem policial. Conforme a SSPDS, a mulher fechou as portas da propriedade, na rua Jaime Rolemberg, no bairro Maraponga, para impedir a ofensiva dos profissionais. Ela ainda se utilizou de um cão pitbull para neutralizar as ações.

Os três foram conduzidos à sede da DRF. Os dois homens irão responder por uso indevido de distintivos do Estado, bem como posse ilegal de arma de fogo e uso restrito e uso permitido e na Lei das organizações criminosas. A mulher responderá por crime de favorecimento pessoal, visto que tentou bloquear a entrada da polícia em favor do companheiro.

Material apreendido

Conforme o major Silveira, a operação apreendeu 157 munições de fuzil calibre 5.56, 34 munições de calibre .40, 50 munições de calibre 380, oito munições de calibre 38, além de dois carregadores de fuzil, dois carregadores de .40, dois de 38, quatro distintivos de polícia, quatro coletes com capa tática e quatro balaclavas. A origem de todo o material ainda será investigada pela Polícia Civil.

Posição no vídeo

No vídeo, segundo o major da PMCE, Alexandre Silveira, “Geo” vinha no banco da frente do passageiro e “Lobão” estava no lado esquerdo do banco traseiro. “Os outros dois, tem o Sebá, que vinha no banco do passageiro (traseiro), do lado direito e no volante vinha um indivíduo cujo nome prefiro reservar”, diz o major. Sebá não foi preso nesta oportunidade, mas, segundo Silveira, é velho conhecido da Polícia.

Propaganda
Clique e comente

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Copyright © 2018 MCeara. Todos os direitos reservados ao Sistema MassapeCeara de Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuição sem prévia autorização.