Connect with us

Policial

Morte de PM por policial civil foi motivada por discussão de duas mulheres após foto, diz sindicato

Os agentes de segurança se envolveram na discussão das duas mulheres

O POVO | A morte do policial militar Francisco Bonivarde Castelo Branco, de 28 anos, aconteceu após discussão entre ele e o policial civil Egberto Setúbal Freitas, de 25 anos. A motivação do crime foi uma dicussão aparentemente banal, que começou por causa de fotografia com smartphone.

De acordo com o presidente do Sindicato de Policiais Civis, Francisco Lucas, uma mulher que acompanhava o policial militar teria discutido com outra, que acompanhava o policial civil.

A mulher que estava com o PM achou que a outra mulher estava fazendo fotografias dela. No entanto, o policial civil teria alegado que sua acompanhante estava fazendo selfies. Os respectivos agentes de segurança se envolveram na discussão e acabaram sendo orientados pela segurança do local a deixar a festa.

Na saída, conforme Francisco Lucas, a discussão continuou e o PM teria efetuado disparos. O policial civil teria corrido em direção ao carro, de onde tirou a arma e efetuou disparos contra o PM, que o atingiram na cabeça. Depois que o PM estava no chão, a mulher que o acompanhava chegou a pegar a arma e realizou disparos.

Nesse momento, o policial civil teria colocado o PM no carro, acompanhado de um colega do militar. Eles avisaram sobre a situação a outros policiais, que fizeram um batedouro até o Instituto Doutor José Frota (IJF), no Centro.

Ao chegar ao hospital, conforme Francisco Lucas, o policial civil chegou a receber voz de prisão de um policial militar, no entanto a situação foi contornada e o policial civil foi até o 9º DP, onde se apresentou. Em seguida foi encaminhado à CGD, mas foi liberado.

Propaganda
Clique e comente

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Copyright © 2018 MCeara. Todos os direitos reservados ao Sistema MassapeCeara de Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuição sem prévia autorização.