Connect with us

Policial

Adolescente é estuprada por professor em escola municipal de Sobral, no Ceará

Depois do crime, deprimida, a menina de 14 anos tentou se matar

Wellington Macedo | Uma aluna de 14 anos, que estuda no 9º ano no Colégio Sobralense de Tempo Integral Maria Dorilene de Arruda Aragão, foi estuprada por um professor. A mãe chegou a ir à escola pedir uma providência, mas o diretor indagou se era verdade o que a garota contava. Devido ao trauma, a vítima tentou se matar. O crime vem à tona depois que outro estupro, o de uma criança especial, foi revelado em outra escola do Município.

A menina de excelente comportamento e boas notas desistiu de estudar porque não aguentava mais conviver em sala de aula com o professor estuprador. Segundo depoimento registrado na Polícia, foram pelo menos quatro abordagens ousadas do “melhor” professor da escola.

“Ela era uma menina normal antes disso acontecer”, relata a mãe. Depois da tentativa de suicídio da aluna, em decorrência do trauma, a família decidiu buscar ajuda dos estagiários do curso de psicologia de uma Faculdade particular. A escola e a Secretaria de Educação não ofereceram nenhum apoio à vítima.

Veja o B.O feito após o estupro

Copyright © 2018 MCeara. Todos os direitos reservados ao Sistema MassapeCeara de Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuição sem prévia autorização.