Connect with us

Mundo

Vídeo com mulher balançando bebê pelas pernas choca internet; veja

Imagens mostram mulher balançando bebê pelas pernas, braços e pescoço enquanto realiza massagem bizarra

Um vídeo que tem circulado na internet nos últimos dias tem deixado os internautas horrorizados. Imagens chocantes mostram uma mulher balançando um bebês pelas pernas no que ela chama de “massagem”.

No vídeo, que foi gravado no Cazaquistão, Larissa Orynbasarovna aparece balançado um bebê pelos braços e pernas, para cima e para baixo e, por um momento, chega a segurá-lo apenas pela cabeça. Larissa trabalha como massagista há 7 anos e, inclusive, ministra cursos nessa área.

Com toda a controvérsia causada pelo vídeo, Larissa afirma que seu método pode não ser convencional, mas o processo de pendurar o bebê pelas pernas, braços e pescoço e balançar, pode curar diversas deficiências.

“Eu ajudo essas crianças. Eu já trabalhei com tantos bebês nos últimos anos, com tantas deficiências, como pescoço curvado e pés tortos. Minha massagem os curam”, diz ela.

Mesmo com imagens chocantes, a “massagem para bebês” tem se tornado popular no Cazaquistão, com os pais pagando cerca de R$ 34 por 15 minutos de sessão. No Brasil, o suposto tratamento não tem agradado e internautas usam as redes sociais para repudiar essa técnica.

“Você não deve segurar um bebê dessa maneira. Você não deve balançá-lo e atirá-lo dessa forma. Seus ossos ainda estão se formando e são muito frágeis”, disse Danielle Marie em seu perfil.

Massagem para bebês é uma tradição antiga que ajuda a aliviar cólicas e deixar o bebê mais relaxado e, segundo a Associação Internacional de Massagem Infantil, deve ser feita em um lugar tranquilo, sempre acariciando carinhosamente o bebê.

A história se repete

Essa não é a primeira vez que uma técnica controversa envolvendo bebês assusta a internet. Em 2015, um vídeo postado no Facebook causou tamanha polêmica que a rede social foi obrigada a apagar a postagem.

Nas imagens é mostrado um bebê recém-nascido nu e chorando sendo segurado pelos pés e mãos por uma mulher, que faz com que a criança dê rodopios, vire de ponta cabeça e mergulhe repetidas vezes em um balde de água.

Com o impacto das imagens fortes, as denúncias contra o vídeo foram inúmeras, o que fez com que o Facebook analisasse o material. Mesmo inicialmente negando qualquer irregularidade com o vídeo, após a forte pressão dos usuários e da mídia, a rede social voltou atrás e apagou o conteúdo.

Embora o yoga para bebês tenha se tornado mais conhecido depois desse acontecimento, em 2012, o vídeo da professora russa de educação física Lena Fokina fazendo rodopios e movimentos violentos com um bebê já causavam controvérsia. Muitos sites na época vetaram seus vídeos por considerarem abusivos.

Lena também afirma que a técnica é segura e ajuda a tratar a saúde dos bebês. Assista a um trecho:

Propaganda
Clique e comente

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Copyright © 2018 MCeara. Todos os direitos reservados ao Sistema MassapeCeara de Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuição sem prévia autorização.