Connect with us

Mundo

Moça solitária ‘casa’ com mandioca de 30 cm, mas algo dá muito errado; veja

Jovem acabou tendo problemas, ao tentar ter prazer com a raiz; saiba mais

É Manchete | A vida, mutias vezes, tem momentos solitários. Algumas pessoas não conseguem encontrar um companheiro para toda a vida. Na falta de um ser humano, há quem aposte em outras alternativas. Hoje a ciência está evoluída e há pessoas que tem relacionamentos, por exemplo, até com robôs.

No entanto, uma moradora da cidade de Jacarta, na Indonésia, inovou. Infeliz e sem um companheiro para chamar de seu, ela decidiu “casar” com a Mandioca, que no Brasil também pode ser chamada de macaxeira ou aipim. A raiz é muito popular por aqui e servida com carne seca, por exemplo.

O sabor que a pobre mulher dessa história queria era mais complicado.

Ela queria manter um relacionamento íntimo com a mandioca. Para isso, ela escolheu um órgão bastante vistoso, de cerca de 30 cm. É claro que esse “casamento” inusitado não poderia acabar bem.

Mulher solteira enfia a mandioca onde não devia e fica ‘entalada’. Muitos veículos internacionais noticiaram o que aconteceu com a jovem no Sudeste Asiático. A história que beira o surreal realmente é surpreendente e, é claro, essa mulher solteira acabou parando no hospital. No local, há rumores de que ela teria dito aos profissionais que estava se sentindo carente e sozinha.

A jovem, coitada, já havia tentado se relacionar com alguns rapazes, mas estava no zero a zero. Ao introduzir a parte mais grossa em suas partes íntimas, o objeto ficou literalmente entalado e a mulher precisou ser atendida às pressas em um hospital local.

Jovem pediu ajuda aos vizinhos ao não conseguir retirar mandioca de dentro dela. A jovem que apelou para a raiz acabou tendo que passar por vários momentos vergonhosos. O primeiro foi quando, após o alimento entalar dentro dela, ela teve que gritar desesperadamente por vizinhos. Eles, mesmo achando tudo estranho, fizeram questão de levar a mulher, que não teve o nome identificado, até ao hospital mais próximo, onde os primeiros socorros foram dados.

O segundo momento foi o fato dela, sentindo uma dor sem explicação, ter que contar porque fez isso. No final, tudo deu certo. A jovem passou por uma pequena cirurgia e a raiz foi retirada de suas regiões íntimas. O “casamento’ da indonésia acabou de forma trágica, mas pelo menos ela está viva para viver um grande amor de carne e osso de verdade.

E você, o que pensa a respeito desse assunto? Deixe o seu comentário. Ele é sempre importante e ajuda no diálogo de temas relevantes à sociedade.

Propaganda
Clique e comente

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Copyright © 2018 MCeara. Todos os direitos reservados ao Sistema MassapeCeara de Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuição sem prévia autorização.