Connect with us

Mundo

Em vídeo, menina deficiente é espancada, chutada e queimada por 3 adolescentes

A mãe da vítima disse que ela nunca mais será a mesma depois que ela ficou com terríveis feridas faciais

Noticias F5 | Casos de violência contra mulheres são relatados todos os dias em vários meios de comunicações em todo o planeta. Um caso chocante contra um adolescente está tendo uma grande repercussão em sites internacionais. Onde uma jovem com problemas mentais é severamente agredida após cair em uma armadilha tramada pelos próprios agressores. Tudo foi gravado por eles mesmo e postado em redes sociais, mas graça uma ação rápida da Polícia todos forma presos.

Entenda como tudo aconteceu

Um vídeo divulgado nesta semana está causando uma grande revolta entre internautas. Na ocasião, uma jovem aparece sendo agredida severamente por três adolescentes.

Nas filmagens impactantes, aparecem três adolescentes torturando e abusando de uma garota com deficiência de apenas 17 anos. Conforme informações da polícia, o crime aconteceu na Austrália.

Jovem aparece em vídeo sendo agredida por adolescentes. O vídeo perturbador foi divulgado pelo site Ten Eyewitness News. Em determinado momento do vídeo, os acusados pegam a vítima e levam até uma mesa, em seguida, batem a cabeça da mesma contra a mesa.

Segundo informações, a menina também foi forçada a ingerir um pedaço de vidro quebrado, que seria de seu telefone, que os adolescentes destruíram. Os suspeitos também forçaram a vítima à colocar suas mãos dentro da churrasqueira, queimando-a severamente.

Vítima é atraída no intuito de encontrar um namorado. Os suspeitos têm idades entre 12 e 15 anos.

O incidente ocorreu na cidade rural de Moe, em Victoria, a duas horas a leste de Melbourne. Investigações, apontaram que a menina foi atraída até o local sob o pretexto de que ela iria conhecer seu namorado. A jovem foi resgatada e levada para uma unidade médica com lesões faciais graves e vários hematomas pelo corpo.

“É incompreensível que alguém faça isso. A quantidade de vezes que eles bateram sua cabeça na mesa de piquenique é nojenta”, disse a mãe da vítima para o site Ten.

Conforme informações do conselheiro Michael Thek, esse foi um dos piores crimes que os policiais testemunharam em mais de 30 anos. Um amigo da vítima disse que estava desacreditado de que alguém pudesse fazer algo tão sinistro. Os suspeitos foram presos e estão sendo acusados de roubo e agressão. Um inquérito policial foi aberto e o caso continua sendo investigado.

Qual a sua opinião sobre esse tipo de agressão? Deixe seus pensamentos na seção de comentários logo abaixo. Não se esqueça de nos seguir e se inscrever no canal #Investigação Criminal para ficar por dentro de tudo que virou notícias no Brasil e no mundo.

Propaganda
Clique e comente

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Copyright © 2018 MCeara. Todos os direitos reservados ao Sistema MassapeCeara de Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuição sem prévia autorização.