Connect with us

Ceará

Vítima gravou vídeo momentos antes de ser morto na maior chacina do Ceará; assista

Dono de barraca de lanches está entre as 14 vítimas fatais

Cnews | Um vendedor de lanches identificado apenas como Antônio, foi uma das vítimas da maior chacina da história do Ceará, registrada durante a madrugada de sábado (27), no bairro Cajazeiras, em Fortaleza. Horas antes de ir trabalhar na sua banca, próximo ao clube, o vendedor gravou um vídeo, convidando as pessoas a conhecer sua barraca.

“Se quiser merendar mais tarde, vai lá na banquinha”, convidou. “Vamos comer, gente”, completou. Antônio levou seu filho de 12 anos para ajudar nas vendas. A criança também foi atingida e está no Instituto Doutor José Frota (IJF). O menor não corre risco de morte.

Suspeito preso

A Secretaria de Segurança confirmou, ainda pouco, a prisão de um suspeito de participar da chacina. Com o homem, um fuzil foi apreendido. Informações extraoficiais dão conta que o número de mortos subiu para 18, mas a SSPDS confirma apenas os 14 óbitos divulgados mais cedo.

Estabelecimento dentro da lei

De acordo com a capitã Juliane Freire, do Corpo de Bombeiros, o estabelecimento seguia as normas de segurança e proteção contra incêndio e pânico. O último certificado foi emitido em dezembro do ano passado.

Propaganda
Clique e comente

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Copyright © 2018 MCeara. Todos os direitos reservados ao Sistema MassapeCeara de Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuição sem prévia autorização.