Connect with us

Brasil

PM que matou filha acidentalmente é morto com tiros na cabeça

Eloá de apenas 11 meses morreu com um tiro na cabeça quando o PM limpava sua arma

Extra Online | O policial militar Luciano Batista Coelho, do 25º BPM (Cabo Frio), foi morto na noite desta quarta-feira no Largo Santo Antônio, em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio. O cabo foi atingido na cabeça por volta das 19h por quatro criminosos, que roubaram a arma do policial antes da fuga.

Policiais do 25º BPM foram acionados para o local, mas já encontraram Batista sem vida. Os policias estão em busca dos envolvidos no assassinato.

Testemunhas contam que o cabo tentou impedir uma tentativa de assalto a loja Casas Bahia, no Centro de Cabo Frio.

O PM matou a própria filha, de 11 meses, em fevereiro de 2015, com um disparo acidental, em São Pedro da Aldeia, também na Região dos Lagos. Segundo a polícia, o PM estava limpando um revólver calibre 38, que disparou e atingiu a cabeça da menina. A criança, identificada como Eloá, chegou a ser levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade, mas não resistiu.

Sargento da PM é morto em Belford Roxo

Na manhã desta quarta-feria, o sargento da PM Maurício Chagas Barros, lotado no 39º BPM (Belford Roxo) foi morto durante um ataque de traficantes na Favela Gogó da Ema, em Belford Roxo. Maurício chegou a ser levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Bom Pastor, mas não resistiu ao ferimento.

Propaganda
Clique e comente

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Copyright © 2018 MCeara. Todos os direitos reservados ao Sistema MassapeCeara de Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuição sem prévia autorização.