Connect with us

Região

Homem morre ao chocar-se com um animal na zona rural de Massapê, no Ceará

A vítima conduzia uma moto no momento do acidente

Published

on

José Cleiton Farias Marques, de 37 anos de idade, morreu na noite deste domingo, 02, após um grave acidente na CE-232, estrada que liga Massapê ao distrito de Ipaguaçu Mirim.

Segundo informações, o acidente foi provocado por uma vaca, que estava solta na pista no momento que a vítima conduzia sua moto, por esta muito escuro no local, José não percebeu o animal e acabou se chocando com ele. José Cleiton Farias Marques, conhecido popularmente na região por “China”, morreu no local.

A polícia isolou o local até a chegada da perícia forense.

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Região

Camilo enaltece ação da Polícia em Milagres e questiona se vítimas eram mesmo reféns

“É estranho um refém de madrugada em um banco”, declarou Camilo Santana, que disse que a Polícia cumpriu a missão de evitar o assalto a dois bancos

Published

on

O governador Camilo Santana (PT) enalteceu a ação da Polícia Militar que resultou em 12 mortos no município de Milagres, sendo seis bandidos e seis reféns, na madrugada desta sexta-feira (7), ao frustrar ataque a banco. “O fato é que eles estavam preparados para assaltarem dois bancos e não conseguiram assaltar nenhum”, declarou o petista, em entrevista coletiva na tarde desta sexta, em Fortaleza.

Na entrevista, o governador levantou a hipótese de que as vítimas não fossem reféns, e disse que é necessário aguardar as investigações antes que seja feito algum julgamento do trabalho policial. “É estranho um refém de madrugada em um banco”, questionou Camilo.

Em nota oficial mais cedo, porém, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS) reconheceu que seis reféns foram mortos na operação policial. Nenhum nome foi divulgado, nem das vítimas e nem dos criminosos.

Conforme o Tribuna do Ceará apurou, o empresário João Batista de Sousa Magalhães, de 46 anos, e seu filho, Vinícius Magalhães, 14 anos, vieram até o Ceará para buscar parentes no aeroporto de Juazeiro do Norte. Eles estavam voltando de carro para Pernambuco junto com um casal e seu filho, após desembarcarem de um voo vindo de São Paulo.

O Tribuna do Ceará não conseguiu confirmar os nomes das três últimas vítimas, e nem o do sexto refém morto, que seria o motorista de Brejo Santo, no Ceará, que teve o caminhão utilizado para bloquear a via de acesso a Milagres no ataque aos bancos.

Investigação imparcial

Mais cedo nesta sexta-feira (7), o secretário de Segurança, André Costa, já havia prometido uma investigação à conduta dos policiais que participaram da operação.

Temos que ser responsáveis e aguardar o trabalho de investigação. Aguardar a apuração que vai ser feita de forma imparcial e isenta. Esse trabalho que vai dizer o que aconteceu e como foi a dinâmica. Só assim a gente vai poder avaliar se houve ou não alguma atuação que poderia ser melhor por parte da polícia”, declarou.

Entenda o caso

Uma tentativa de assalto a banco, por volta das 2h15 desta sexta-feira (7), terminou com pelo menos 12 mortos no município de Milagres. Testemunhas afirmam que um intenso tiroteio durou cerca de 20 minutos. Em um vídeo feito por um morador, é possível ouvir o barulho dos tiros.

O prefeito de Milagres, Lielson Landim, confirmou em entrevista à Rádio Band News FM que metade das vítimas eram reféns e os outros seis mortos faziam parte do grupo criminoso. Os nomes das vítimas ainda não foram confirmados oficialmente.

Segundo a comerciante Eliane Alves, que possui um comércio ao lado da loja de informática de João Batista Magalhães, em Serra Talhada (PE), os moradores estão chocados com o ocorrido. “Estamos todos sem acreditar. Ele era muito conhecido por aqui, estamos em choque. Mataram ele e a família quase toda”, relata a comerciante.

Apreensões

Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), duas pessoas suspeitas de participarem da ação foram conduzidas para a delegacia da Polícia Civil. Uma pistola 9 milímetros, um revólver calibre 38, uma arma calibre 12 e explosivos foram apreendidos.

Três veículos envolvidos na ocorrência, sendo um Celta e duas caminhonetes, forma apreendidos. Equipes da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) realizam trabalho de levantamento de vestígios nos locais.

Equipes do Grupo de Ações Táticas Especial (Gate), do Comando Tático Rural (Cotar), da Força Tática (FT) e do Batalhão de Divisas – da PMCE – e da delegacia de Brejo Santo participam das buscas. Uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) também foi destacada para auxiliar na operação.

Matéria do Tribuna do Ceará

Continue Reading

Região

Morre o empresário José Dias de Macêdo, fundador do Grupo J. Macêdo

O empresário cearense morreu aos 99 anos, em casa. A empresa que fundou foi aberta há 79 anos

Published

on

O empresário José Dias de Macêdo faleceu na manhã desta quinta-feira (6), às 4h30. Natural de Camocim, ele morreu em casa, aos 99 anos. O cearense fundou o Grupo J. Macêdo, que possui 79 anos de história.

A empresa começou como uma representação comercial em Fortaleza. O primeiro moinho, o Fortaleza, foi inaugurado após 13 anos de atuação, em 1952.

Macêdo deixa oito filhos. Amarílio, Roberto e Maria seguiram com os negócios do pai. O velório terá início às 12h, com Missa de Corpo Presente às 15h ,na igreja do Cristo Rei, na Aldeota. O sepultamento acontece às 16h, no Cemitério São João Batista.

Trajetória

O fundador do Grupo J.Macêdo nasceu na cidade de Camocim, no interior do Ceará. Durante 64 anos foi casado com Maria Proença de Macêdo (1922 – 2006). Formou-se em Economia pela Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Federal do Ceará, em 1945. No dia 9 de setembro de 1939 fundou o Grupo J.Macêdo.

O gestor foi um ícone de uma geração empresarial no Ceará e no Nordeste, integrando a região às nascentes da industrialização do Brasil. Ele foi responsável por fundar o primeiro moinho de trigo, o primeiro frigorífico industrial e a primeira cervejaria do Estado. Além da fábrica de transformadores e pneus do Nordeste.

Foi Deputado Federal por três legislaturas (1959 a 1971) e Suplente de Senador da República, com dois mandatos (1971 a 1987), tendo assumido a cadeira de titular na última legislatura

O Grupo J. Macêdo atua nos mercados de alimentos e tintas. A J.Macêdo S/A lidera os segmentos de farinha de trigo doméstica e misturas para bolo, e é a segunda empresa nacional de massas alimentícias, com as marcas Dona Benta, Petybon, Sol, Boa Sorte e Brandini.

A Hidracor, fabricante de tintas imobiliárias, destaca-se por sua forte atuação nas regiões Norte e Nordeste do país.

Matéria do Tribuna do Ceará

Continue Reading

Região

Turista de 21 anos morre afogado ao tentar salvar o irmão de 11 anos na Praia do Futuro, no CE

Pai também tentou ajudar, mas sobreviveu e foi levado a uma unidade hospitalar

Published

on

Um jovem de 21 anos morreu afogado após tentar salvar o irmão de 11 anos no início da tarde deste sábado (24), na Praia do Futuro, em Fortaleza. Segundo o Corpo de Bombeiros, a família é de Arcoverde, interior de Pernambuco. O pai, que também tentou ajudar, e a criança foram levados para uma unidade hospitalar. Um banhista filmou parte do atendimento.

Surfistas viram o triplo afogamento e fizeram a retirada da família até a equipe de salvamento chegar. “Eles foram retirados por surfistas. Logo depois a equipe do Corpo de Bombeiros chegou e fez os procedimentos de reanimação. O filho pequeno e a criança estavam conscientes, mas o jovem de 21 anos saiu com parada cardíaca. Foram feitos todos os procedimentos, mas infelizmente ele não resistiu”, disse o tenente do Corpo de Bombeiros, Romário Fernandes.

Banhistas afirmaram que o socorro demorou a chegar e que não havia salva-vidas no local. O Corpo de Bombeiros informou que foi acionado às 12h32 pela Ciops e, oito minutos depois, chegou ao local, onde dois guarda-vidas e uma guarnição de resgate da corporação já prestavam os primeiros socorros ao jovem. A corporação disse ainda que não há posto de salva-vidas no local do afogamento, mas há equipe em ponto próximo e que a distribuição dos agentes de salvamento ao longo da praia é feita conforme a movimentação da área.

“Estava tendo uma competição próximo ao local do afogamento e eu ouvi o narrador do campeonato falando que tinha gente se afogando. Eu vi que o jovem engoliu muita água. Os bombeiros ficaram fazendo a massagem cardíaca e o Samu também quando chegaram. Fiquei quase 50 minutos e eles continuavam lá tentando reanimar”, disse o banhista Felipe Palhano, que filmou parte do atendimento.

O vídeo mostra uma multidão em torno de uma equipe do Corpo de Bombeiros e do Samu, que tentam reanimar o rapaz. Mais à frente outro grupo presta assistência ao menino.

Matéria do G1

Continue Reading
Advertisement