Siga-nos nas redes sociais

Mundo

Mãe mata seus filhos sufocado em quanto cantava musicas de ninar para eles

As autoridades prenderam Rachel Henry depois que ela admitiu ter matado seus três filhos dentro da casa de sua família no Arizona, Estados Unidos. Ela se declarou inocente dos assassinatos deles

Uma mãe acusada de sufocar seus três filhos até a morte em Phoenix no mês passado se declarou inocente de seus assassinatos na terça-feira, informa a KNXV.

Rachel Henry, 22 anos, admitiu ter sufocado seus três filhos pequenos, começando com Mireya Henry, de 1 ano, dentro da casa de sua família, de acordo com uma declaração de causa provável. As crianças foram supostamente assassinadas em 20 de janeiro.

Henry disse que seu filho mais velho, Zane Henry, de 3 anos, tentou intervir e fazê-la parar. Ela disse que o garoto gritou com ela e até bateu nela na tentativa de ajudar sua irmã.

Uma vez que a criança de 1 ano morreu, Henry disse que perseguiu Zane, mas foi interrompida quando outro parente chegou à casa. Pouco tempo depois, ela disse que levou o menino para um quarto dos fundos, o atropelou, e colocou a mão sobre seu nariz e boca.

“Rachel descreveu cantar para o homem de 3 anos enquanto ele [arranhava] o peito e [beliscou] enquanto ela colocava a mão sobre o nariz/boca”, afirmou o depoimento.

Ela diz que alimentou catalaya rios de 7 meses de idade uma garrafa até que ela dormiu. Foi quando ela disse que “cantou uma música para ela enquanto colocava a mão sobre o rosto e impedia seu fôlego. Rachel cantou para a fêmea de 7 meses até ficar inconsciente e morrer”, afirma o depoimento.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.