"Jesus me perdoa", disse homem depois que esfaqueou mulher em cadeira de rodas 116 vezes - Mceara.com
Siga-nos nas redes sociais

Mundo

“Jesus me perdoa”, disse homem depois que esfaqueou mulher em cadeira de rodas 116 vezes

Um homem de South Milwaukee foi acusado no esfaqueamento brutal de uma mulher encontrada coberta de sangue em uma cadeira de rodas

Kehinde Afolayan, 31, enfrenta uma acusação de homicídio doloso de primeiro grau, uso de arma perigosa. O esfaqueamento fatal aconteceu na sexta-feira, 11 de janeiro, em South Milwaukee, cidade localizada no estado norte-americano do Wisconsin, no Condado de Milwaukee.

De acordo com uma queixa criminal, a polícia respondeu a uma unidade inferior em um prédio de apartamentos de quatro unidades, onde encontraram a vítima de 62 anos deitada imóvel em sua cadeira de rodas, coberta de sangue, que “parecia estar parcialmente estripada”.

Enquanto isso, a queixa dizia que Afolayan descia as escadas “segurando uma camiseta branca coberta de sangue”. Ele foi preso.

Uma autópsia revelou que ela sofreu 116 facadas: 48 no peito, 50 no abdômen e 18 nos braços, ombro e mãos.

Uma faca ensanguentada foi encontrada no chão da cozinha, disse a queixa. A lâmina de 12 centímetros foi dobrada. Outra faca ensanguentada com a lâmina faltando foi encontrada, e uma terceira foi encontrada na entrada da casa ao lado.

A denúncia disse que a polícia não conseguiu identificar o Afolayan porque “ele não era comunicativo”, a não ser “proferir declarações como” Jesus me perdoa”.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *