conecte-se conosco

Policia

Homens são presos por ameaçar jogar uma bomba na residência oficial do governador

Ambos participariam de uma manifestação e revelaram os planos em grupos do whatsapp

Publicados

em

Na sexta-feira (17), a inteligência policial conseguiu prender dois homens que planejavam atacar a residência oficial do governador do Ceará, Camilo Santana. Eles queriam jogar bombas feitas à mão (coquetel Molotov). Segundo matéria do DN.

Os homens estariam participando de uma manifestação convocada por educadores físicos, para demonstrar insatisfação com o adiamento da reabertura de academias na capital cearense.

A inteligência policial tomou conhecimento das ameaças por grupos no aplicativo WhatsApp e prendeu os acusados.

Os suspeitos foram levados para o 2º distrito policial, onde reconheceram as ameaças que haviam feito, testemunharam e depois foram libertados. Eles foram detidos com base no art. 147 do Código Penal, que prevê sanções para a ameaça de crime.

O ato nunca foi realizado porque as ruas próximas à residência oficial estavam fechadas.

O Decreto de Camilo

O governo do estado realizou uma reunião com o Comitê de Combate ao Covid-19 e, depois de analisar o relatório técnico da “Saúde”, confirmou quais setores econômicos podem ser reabertos.

As academias planejavam reabrir a quarta etapa, mas o governador anunciou, em entrevista exclusiva à TV Verdes Mares, que alguns setores deveriam permanecer suspensos.

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *