Siga-nos nas redes sociais

Brasil

Cearense é morto a tiros no Rio de Janeiro quando voltava do trabalho e levava fraldas para o filho

Francisco Laércio Lima, de 26 anos, carregava fraldas para filho quando foi atingido por disparos. Moradores dizem que PMs e traficantes trocaram tiros

Um homem foi morto na Barreira do Vasco, em São Cristóvão, zona norte do Rio, na manhã deste sábado (9). Segundo informações da Record TV Rio, Francisco Laércio Lima, de 26 anos, era garçom em um bar na Lapa, região central do Rio, e foi baleado por volta das 6h, quando chegava em casa.

Laércio, natural de Ipaporanga, município do Sertão de Crateús, a 363 quilômetros de Fortaleza, era gerente do bar Tico Mia, na Lapa.

De acordo com familiares, ele estava carregava um pacote de fraldas para o filho e um copo de café quando foi atingido.

Moradores disseram que pela manhã, agentes da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) da comunidade entraram em confronto com um grupo de traficantes.

O corpo foi preservado e a DH-Capital (Delegacia de Homicídios da Capital) foi acionada para realizar perícia.

Em nota, a Polícia Militar informou que fazia patrulhamento quando encontraram suspeitos armados e foram alvo de disparos. A corporação disse que reagiu ao ataque e, durante a ação, Francisco foi baleado.

A PM disse ainda que “iniciou de forma imediata, através da Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP), a apuração das circunstâncias desta ação policial, em relação ao protocolo determinado para ações desta natureza, que deve se basear em dados de inteligência e planejamento prévio.”

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.