conecte-se conosco

Política

Camilo Santana assina lei do auxílio de R$ 261 a catadores do Ceará

Governador espera que o auxílio seja pago ainda neste mês de agosto

Publicados

em

O governador Camilo Santana sancionou o auxílio financeiro para catadores de lixo no Ceará durante transmissão ao vivo nesta segunda-feira (3). O pagamento do recurso vai ser realizado até o mês de dezembro e garante um benefício no valor de R$ 261 aos trabalhadores desse segmento.

“Eu aproveito para sancionar o auxílio catador, que são trabalhadores que fazem um trabalho importantíssimo de coleta de lixo em todo o Estado. vamos dar um auxílio mensal, que valerá até o final do ano e esperamos que já no fim de agosto centenas de catadores já recebam o benefício”, afirmou.

Na última quinta-feira (30), a Assembleia Legislativa do Ceará havia aprovado, em sessão híbrida, o projeto de lei do Governo do Estado que cria o auxílio. “Muitas famílias vivem dessa atividade. Esperamos atender os milhares de trabalhadores nessa área tão importante”, ressaltou Camilo.

De acordo com o governo estadual, 1.249 catadores que atuam junto a nove cooperativas no Ceará devem ser beneficiados inicialmente. No entanto, o número deve ser ampliado para contemplar os profissionais autônomos de coleta seletiva que ainda não fazem parte do cadastro.

O governador também comentou, durante a transmissão, a respeito do retorno às aulas presenciais, que só deve ser autorizado em setembro, caso haja condições favoráveis. No último sábado (1º), Camilo divulgou que escolas e universidades, públicas e privadas, não vão retornar as aulas presenciais no mês de agosto, além de bares e cinemas ainda não terem previsão de retomada.

A discussão sobre a retomada das aulas presenciais segue neste mês e aulas remotas devem ser mantidas como opção. “Esse setor também estará opcional. Mantendo a garantia de que os pais e alunos terão a garantia da continuidade do atendimento remoto por conta das unidades escolares e universitárias. Esse é um processo de importante discussão. Vamos manter o mês de agosto aprofundando essa discussão com o comitê e os cientistas”, disse Camilo.

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *