Uma câmera de segurança instalada em um hospital na avenida Carapinima, no Benfica, registrou o momento em que os assaltantes Carlos Darlan Barros da Silva (20) e Abraão da Silva tiveram o plano de roubo frustrado por uma equipe do Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) da Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE).

“Estávamos fazendo patrulhamento e quando a gente estava parado no sinal da Avenida Carapinima com a (Avenida) 13 de Maio, notei os dois se aproximando na motocicleta, fazendo um retorno proibido”, explicou o sargento P. Filho.

Carlos Darlan e Abraão seguiram pela calçada em direção a um homem que estava parado, em frente a um hospital, aguardando o horário de visita para rever um parente. A dupla anunciou assalto e tomou o celular da vítima e, quando se preparava para seguir em fuga, foi surpreendida com a chegada do BPRaio. Abraão, que estava na garupa e portava um revólver calibre 22, apontou a arma em direção à composição policial, que efetuou disparos de contenção, lesionando o suspeito.

No momento da abordagem, Carlos Darlan, que pilotava a moto, tentou enganar os militares informando nome falso, ao se identificar com o se fosse seu irmão – menor de idade. Abraão foi interceptado e também socorrido pelo BPRaio, ao ser encaminhado em uma viatura do batalhão para o Hospital Instituto Doutor Frota (IJF). “A preocupação do Raio é neutralizar a agressão, evitar o roubo e preservar a vida, de forma impessoal”, destaca o comandante do BPRaio, tenente-coronel Márcio Oliveira, sobre o auxílio dado pelos policiais à vítima e também ao suspeito.

Devido ao fato de Carlos Darlan ter se apresentado como menor de idade, ele foi encaminhado à Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA) e, lá, foi constatada sua real identificação. Posteriormente, o homem foi levado para o 11º Distrito Policial, onde ambos foram autuados por tentativa de roubo. A motocicleta utilizada por eles não possuía queixa de roubo ou furto. Mas, foi verificado que o proprietário do veículo possui algumas passagens pela Polícia. O transporte e o revólver foram apreendidos.

Ambos são residentes da região do bairro Bela Vista e, segundo informações levantadas pelos agentes de segurança, Carlos é suspeito de atuar em diversos casos de roubo na área. Segundo o próprio comparsa, Abraão é natural do Estado do Pará. Como estava sem documentos, foi feita uma guia criminal para ele na delegacia.

Via Cnews